Lílian Maial

Basta existir para ser completo - Fernando Pessoa

Textos


SONETO DE UM AMOR FATAL
 
                  ® Nathan de Castro & Lílian Maial
 
 
Fatal é essa emoção que se derrama
no colo das palavras sem sentido
e aclama, no poema, a flor e o drama
nos versos de um amor tão desmedido.
 
Ardente é esse momento em nossa cama,
Fogueira – aonde nada é proibido -
que acende, nos lençóis, a mesma trama
de estrelas, luas, sóis, e essa libido...
 
Fatal é esse desejo em verso e prosa,
Que encobre a dor do espinho e expõe a rosa
aos mágicos segundos da canção.
 
Fatal é o teu sabor – cianureto –
veneno de algum sonho de soneto,
que sangra sobre as rimas da paixão.
 
***********
Lílian Maial
Enviado por Lílian Maial em 28/01/2009


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras
 
Tweet