Lílian Maial

Basta existir para ser completo - Fernando Pessoa

Textos

GOSTO GOSTOSO!
Odir Milanez

 
Eu gosto desse gosto rebuscado,
mantido, macerado, em tua boca,
esse gosto gostoso de pecado
que me deixa arroubado, de voz rouca!

Ao gosto de teu beijo acostumado,
quando me falta enfrento a fúria louca
de meu corpo, à clausura condenado
por tão pouco, vontade por tão pouca!...

 
Mas quando um beijo teu meu corpo alcança,
quando a paz de meu peito em ti descansa
,
esqueço o que sofri, de um beijo à míngua.

E te abraço em meus braços, na esperança
de prolongar dos lábios a mimança,
de melar-me no mel da tua língua!

JPessoa/PB
19.09.2012
oklima
 
 
 
565458.jpg



GOSTO QUE EU GOSTO!
Lílian Maial


Esse gosto que eu guardo no meu céu
traz a cepa perfeita do deleite,
que os teus lábios escondem, qual troféu,
junto aos meus, na esperança de um aceite!

Essa boca revela o bacharel,
um doutor, retomando o que, antes, dei-te:
meu amor, que desfrutas a granel,
e meu corpo, que exibes como enfeite!

Esse gosto se espalha em cada beijo,
por reentrâncias, relevos, cavidades,
aguardando que o orvalho se revele.

Essa boca tem tudo o que eu almejo:
tem as farsas, que inundam as verdades,
tem a língua enxugando a minha pele!


Rio de Janeiro
20.09.2012

486456.jpg

Lílian Maial e Odir Milanez
Enviado por Lílian Maial em 21/09/2012
Alterado em 21/09/2012
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site "www.lilianmaial.com"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras
 
Tweet