Lílian Maial

Basta existir para ser completo - Fernando Pessoa

Textos

A COR DOS OLHOS MEUS
Lílian Maial


Meus olhos só refletem meu amor,
o amor que trago em versos na canção,
canção que entoa o olhar sem ver a cor,
e a cor que flui dos teus: cor de paixão!

O azul, que espelha o céu do teu langor,
camaleando em verde-sedução,
condena à negritude do terror,
do ébano dos olhos sem perdão.

No centro desses olhos mora um poço,
profundo como a essência desse moço,
que fita os meus caminhos coloridos.

Meus olhos têm as cores do teu riso,
e a franja que os encobre são o aviso:
cuidado, que esses olhos são bandidos!

*******
Lílian Maial
Enviado por Lílian Maial em 26/05/2008
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site "www.lilianmaial.com"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras
 
Tweet