Lílian Maial

Basta existir para ser completo - Fernando Pessoa

Áudios

PRESENÇA
Data: 07/05/2009
Créditos:
PRESENÇA - soneto de Lílian Maial, na voz de Eugénio de Sá
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site "www.lilianmaial.com"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


PRESENÇA
®Lílian Maial


Eu sei dos meus vazios e lamentos,
qual pauta de um poema inacabado.
Escravas de um poeta apaixonado,
palavras são, dos versos, instrumentos.

O meu amor fugiu, e os bons momentos
tornaram-se lembranças do passado,
deixaram doces rastros de encantado
soneto do escritor e seus tormentos!

De sonho em sonho, eu busco o teu perfume
e estendo os tristes olhos de negrume,
até que o horizonte, em mim, se funda...

De sol a sol, me entrego a outros braços
e vejo, noutras faces, os teus traços
por trás da cachoeira que me inunda!

************

Enviado por Lílian Maial em 12/09/2008

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site "www.lilianmaial.com"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras
 
Tweet